Filha de Persephone

Minha foto
Brasília, DF, Brazil
"O meu mundo não é como o dos outros, quero demais, exijo demais, há em mim uma sede de infinito, uma angústia constante que eu nem mesmo compreendo, pois estou longe de ser uma pessimista; sou antes uma exaltada, com uma alma intensa, violenta, atormentada, uma alma que não se sente bem onde está, que tem saudades...sei lá de quê!" (Florbela Espanca, Carta no. 147)

Sobre ALICE RUIZ

"Que importa o sentido se tudo vibra"

ALICE RUIZ

tradutor

9 de abril de 2010

Eu e meu gato...RITA LEE /1978

EU E MEU GATO

Mas um dia desses
Eu vou fugir de casa
E não volto, e não volto

Vou bater as asas
Só levar comigo
O retrato... do meu gato

Companheiro
Dessa minha melancolia

E você me pede
Pra ter paciência
E juízo, e juízo
Mas o que eu gosto

É de andar na beira
Do abismo, do abismo
Arriscando minha vida
Por um pouco de emoção

Eu e meu gato
Ele na cama
Eu no telhado
Ele sem as botas
E eu sem grana

Nenhum comentário:

quem visita Persephone

______________________________________________________________________________________

______________________________________________________________________________________

______________________________________________________________________________________

Link-me !

Link- Me

Link- Me

Persephone faz TRADUÇÕES !

Persephone faz TRADUÇÕES !
camposdejaque@gmail.com

Siga PERSEPHONE ! Follow ME !